Sexta-feira, 24 de Abril de 2020 13:41

Pacto Lajeado pela Paz promove projeto Tecendo a Vida em Comunidade com Diálogos Virtuais

Tânia Rodrigues - Instrutora e Coordenadora do Pacto Lajeado pela Paz Foto: Maiara Rovêa Tânia Rodrigues - Instrutora e Coordenadora do Pacto Lajeado pela Paz

Mesmo diante a pandemia do Coronavírus, as ações do Pacto Lajeado pela Paz seguem acontecendo, como por exemplo o projeto Tecendo a Vida em Comunidade com Diálogos Virtuais. Os círculos de construção de paz, um dos métodos da Justiça Restaurativa, agora ocorrem virtualmente com a proposta de disponibilizar espaço para trocas de sabedoria e sentimentos. Na manhã desta sexta-feira, 24/04, mais um encontro foi realizado, por meio da plataforma hangouts meet, reunindo cerca de 8 pessoas.

 

Tânia Rodrigues, coordenadora da Justiça Restaurativa do Pacto Lajeado pela Paz conta que o maior desafio dessa nova forma de metodologia é principalmente a falta de contato com os participantes. “Sentimos falta da sintonia coração com coração”, contou Tânia.

 

Apesar dos desafios, a Instrutora diz que os encontros têm retornos positivos, e inclusive que algumas pessoas se sentem mais confortáveis em interagir virtualmente.

 

A professora Rosângela Simões já participou dos círculos de construção da paz presencialmente, e relata que a conexão acontece da mesma forma agora, mas sente falta da proximidade física e do calor humano. Para ela os encontros são muito importantes nesse momento de distanciamento social. “Mesmo online conseguimos ter um momento compartilhado de sentimentos. Foi emocionante ouvir que nossas angústias e esperanças são as mesmas e que todos estamos em sintonia buscando dias melhores”, ela conta.

 

Rosângela ainda agradece a oportunidade de participar dos Círculos Virtuais. “A proposta vem de encontro ao que necessitamos nesse momento: empatia, acolhimento, apoio e cuidado”, disse ela.

 

Os participantes praticam os círculos conversando sobre muitas questões, como: Em qual valor você se apoia nesse momento? Como a ansiedade tem se manifestado?

 

Tânia enfatiza que desde o princípio os círculos existem com o intuito de reunir e conectar as pessoas, amenizando os impactos em diversos espaços de atuação, seja educacional, assistência social, saúde, segurança, empresa, comunidade.

 

Para o músico Alex Duarte, os círculos tornam as pessoas mais críticas e atuantes. “Desenvolve nossa cidadania e promove socialização para melhor convivência, com amor, paz e união”, disse Duarte.

 

Em Lajeado são cerca de 400 Facilitadores da Paz sendo 160 formados pelo programa Pacto Lajeado pela Paz habilitados a promover os Círculos virtuais que terão o apoio das Instrutoras de referência de cada grupo.

 

Para interessados em participar:

 

Entre em contato com a coordenação do Pacto Lajeado pela Paz pelo fone 3982-1028 ou pelo e-mail pacto@lajeado.rs.gov.br.

Os grupos são formados visando a disponibilidade de horários para atender o máximo de pessoas possíveis. Por isso, informe seu período livre para marcação dos encontros.

 

Prefeitura Municipal de Lajeado (RS)
Rua Cel. Júlio May, 242 - Telefone (51) 3982 1000
CNPJ 87.297.982/0001-03